XVIII Semana de História

A XVIII Semana de História, ao eleger Karl Marx como tema, propõe uma reflexão sobre sua atualidade e a importância de sua obra para a História e as Ciências Humanas, sem deixar de lado a influência que teve em outras áreas do conhecimento. Conferências, mesas redondas, seminários temáticos e minicursos foram pensados para dialogar de modo consequente com outros conceitos, categorias teóricas e disciplinas. É na intersecção com outros autores e trabalhos dos mais diferentes matizes que teremos a possibilidade de produzir conhecimento interdisciplinar. Nele, deve prevalecer o respeito ao outro e à sociedade que financia a produção desse conhecimento e para a qual ele deve retornar para melhorar a qualidade de vida das pessoas, isto é, que se tornem críticos e possam exercer a cidadania, de fato. Não podemos admitir cidadania apenas uma prática vazia de sentido a ser exercida em anos de eleição e cidadão como sinônimo de mero consumidor: um autômato guiado por uma imprensa mal intencionada e plataformas digitais produtoras de fake news e pós-verdades. Se tirarmos essa cidadania do papel e colaborarmos para formar mulheres e homens críticos certamente poderemos ter menos desigualdade social, mais respeito às diferenças e, por extensão, humano e mundo melhores.

Para mais informações, acesse https://semhisuenp.wordpress.com/