Vestibular UENP 2021 - 5ª Chamada

 

UENP contra o Coronavírus

logo coronavirus

A Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), por meio do projeto de extensão “Ações de Prevenção, Cuidados e Combate à Pandemia do Coronavírus no Norte do Paraná”, iniciou um programa que busca reabilitar pessoas pós contaminação pela Covid-19 em Jacarezinho. A ação, que ocorre em parceria com a Secretária Municipal de Saúde, Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI) e Fundação Araucária, tem atendido pessoas que tiveram quadro leve ou moderado da doença.
Vinte mil doses do imunizante produzido pela Pfizer/BioNTech, que chegaram no Estado do Paraná nessa segunda-feira (7), serão destinadas aos professores e funcionários administrativos das universidades e faculdades, públicas e privadas. Elas serão distribuídas a 64 municípios paranaeneses.
“Eu estou emocionada! Venho há 14 anos fazendo tratamento da esclerose múltipla, então não via a hora de chegar a minha vez. Estávamos aguardando ansiosos a chegada da vacina e realmente tomar, para mim é uma emoção. Que venham doses para os mais novos, que tenha vacina para toda a nossa nação”, relatou Amanda Frezzato Catelan, 44, após receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19, nesta terça-feira, 1 de junho.
A Universidade Estadual do Norte do Paraná informa que se trata de uma Fake News a vinculação da foto do Campus Luiz Meneghel de Bandeirantes junto a orientação de tratamento precoce para a Covid-19, compartilhada nas redes sociais e via WhatsApp.
O Norte Pioneiro do Paraná registrou, nos dois primeiros meses de 2021, 11.828 casos da Covid-19. O número corresponde a 47% dos casos ocorridos na região durante toda a pandemia e 90% do total de casos registrados nos dez primeiros meses. Os municípios da região já somam 488 mortes pela doença desde o início do quadro pandêmico, média de 1,4 morte por dia. Desses, 173 óbitos somente este ano. O dado preocupa pesquisadores e profissionais da saúde da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) que alertam para piora dramática e progressiva da pandemia e para a necessidade de cuidados para evitar o contágio e disseminação da doença.