Período de isenção da taxa de inscrição do Vestibular segue até 5 de setembro

Sexta, 16 Agosto 2019 16:12 por Assessoria de Comunicação Social
Pedidos de isenção da taxa serão avaliados pela Comissão de Processo Seletivo de Vestibular da UENP Pedidos de isenção da taxa serão avaliados pela Comissão de Processo Seletivo de Vestibular da UENP

Candidatos ao Vestibular 2020 da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) que sejam provenientes de famílias de baixa renda e que estejam com registro em dia no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) podem solicitar a isenção da taxa de inscrição do processo seletivo. Desta forma, o candidato pode concorrer ao Vestibular da UENP, normalmente, sem arcar com a taxa de inscrição, no valor de R$ 140.

Nesta edição, o prazo para a solicitação de isenção da taxa, que teve início no dia 9 de agosto, vai até 5 de setembro de 2019. Todos os pedidos serão avaliados pela Comissão de Processo Seletivo de Vestibular (CPSV), que anuncia o deferimento ou indeferimento das solicitações no dia 11 de setembro, com base no item 5 do edital do Vestibular. Os candidatos podem recorrer da decisão da CPSV nos dois dias seguintes (12 e 13 de setembro).

O candidato que deseja solicitar a isenção da taxa de inscrição deve realizar o pedido através do portal do candidato uma vez que a sua inscrição tenha sido efetivada no site do Vestibular (vestibular.uenp.edu.br). Para isso, deve anexar, em formato PDF, os seguintes documentos: Comprovante do CadÚnico (disponível em https://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/consulta_cidadao), com data de atualização cadastral posterior a 4 de agosto de 2017, além de RG e CPF.

Conforme o Decreto nº 6.135 de 26 de junho de 2007, são consideradas pessoas de baixa renda os candidatos nas seguintes situações: com renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou a que possua renda familiar mensal de até três salários mínimos. A CPSV avalia a veracidade dos dados fornecidos pelo candidato na plataforma responsável pelo CadÚnico a fim de deferir ou indeferir as solicitações. 

 Mais oportunidades para quem precisa

Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), metade da população do brasil vive com menos de um salário mínimo. Desta forma, a política de isenção da taxa do Vestibular da UENP vai ao encontro das necessidades das famílias com menos renda. Para muitos, a isenção da taxa pode ser o fator que possibilitará ao candidato participar do vestibular da UENP e ter acesso à educação superior pública, gratuita e de qualidade.

“A isenção é um direito do candidato que venha de família de baixa renda. E a UENP garante, por meio desse Edital, o acesso de todo estudante à prova para ingresso na Universidade, independentemente de sua condição financeira”, destaca a pró-reitora de Graduação, professora Ana Paula Belomo Castanho Brochado.  

Última modificação: Sexta, 16 Agosto 2019 17:50
Compartilhe: