A arquiteta urbanista Marcella Olivetti Guarneri, de 26 anos, é uma das acadêmicas do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública a distância da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). Natural de Ibaiti, Marcella atuou como consultora do Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT), em Nairóbi, no Quênia, e em Luanda, em Angola.
A reitora da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Fátima Padoan, e o pró-reitor de Planejamento e Avaliação Institucional, Bruno Galindo, realizaram, na terça-feira, 17, reunião com deputados federais que possuem atuação do Norte do Paraná. O encontro, realizado nos gabinetes dos parlamentares, buscou viabilizar recursos de Emenda Parlamentar para o exercício de 2020 na UENP.
A reitora da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Fátima Aparecida da Cruz Padoan, realizou na quarta-feira, 18, reunião com o ministro da Educação Abraham Weintraub. Durante o encontro, que foi agendado pelo deputado Federal Diego Garcia e acompanhado pelo pró-reitor de Planejamento e Avaliação Institucional da UENP, Bruno Ambrozio Galindo, a reitora levou ao ministro reivindicação de liberação de quatro convênios para UENP, que juntos somam mais de R$4,5 milhões.
Na tarde de quarta-feira, a reitora da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Fátima Aparecida da Cruz Padoan, participou de reunião da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), em Brasília. Conduzida pelo presidente da Abruem, Antônio Guedes Rangel Júnior, reitor da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a reunião trouxe como pauta as próximas ações da Associação.
A Associação Paranaense das Instituições de Ensino Superior Público (Apiesp) realizou, na terça-feira, 18, reunião com a Bancada Federal do Paraná, em Brasília. Durante a audiência de trabalho, a presidente da Apiesp, Fátima Aparecida da Cruz Padoan, solicitou aos parlamentares um pedido de Emenda para as Universidades Estaduais do Paraná, além de encaminhar outras reivindicações como a revisão do Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA 2020), que indica uma redução média de 48% no orçamento da CAPES.