A Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), por meio do curso de História, realiza coleta de dados para o “Projeto Residente: o pensamento histórico dos jovens da América Latina”. A iniciativa, realizada em todo o continente latino-americano envolvendo jovens entre 15 e 16 anos, é liderada, no Paraná, pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), e agrega dados para pesquisas, publicações e estudos na área de História, com o objetivo de contribuir para melhorias das políticas públicas de educação, formação inicial e continuada de professores e para subsidiar os docentes em seus planejamentos e aulas.
O 35º Salão de Artes Plásticas de Jacarezinho já está recebendo inscrições de propostas artísticas. O período para inscrições segue até dia 15 de julho. O Salão é realizado pela Prefeitura de Jacarezinho em parceria com a UENP e o SESC.
O superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Aldo Nelson Bona divulgou, nesta segunda-feira (17) uma carta aberta à comunidade universitária sobre a proposta de Lei Geral das universidades, apresentada aos reitores no começo do mês de junho. O documento reforça a necessidade de uma lei que estabeleça parâmetros para a gestão de pessoal e repasse de recursos para as instituições, buscando melhorar a qualidade de ensino na graduação e pós-graduação, pesquisa e extensão. A proposta vem sendo debatida nas universidades estaduais por meio de comissões.
Durante o 45º Encontro Nacional do Fórum de Pró-Reitores de Extensão, realizado no dia 29 de maio, o pró-reitor de Extensão da UFSM, Flavi Ferreira Lisbôa Filho, e a pró-reitora de Extensão e Cultura da UENP, Simone Castanho, foram eleitos, respectivamente, coordenador e vice da Regional Sul do Fórum de Pró-Reitores de Extensão (FORPROEX), para a gestão 2019-2020. A professora Simone, com a eleição, dará continuidade ao trabalho que já vinha desenvolvendo na função, durante a gestão 2018-2019.
Pesquisa desenvolvida pelo professor-mestre Tiago Tsunoda Del Antonio disponibiliza à população tratamento gratuito para dor lombar crônica, com duração de 8 semanas. Os interessados devem ter entre 18 e 60 anos de idade e não apresentar doenças cardíacas, neurológicas, reumatológicas e/ou cirurgias na coluna vertebral e gestantes. O tratamento será realizado na Clínica de Fisioterapia do Campus Jacarezinho.