Tenda Cultural reúne talentos das artes no IV Encontro de Integração

Terça, 30 Outubro 2018 16:10 por Assessoria de Comunicação Social
Marina Aquino, estudante de Letras da UENP, durante apresentação no palco do UENP Talentos Marina Aquino, estudante de Letras da UENP, durante apresentação no palco do UENP Talentos

O IV Encontro de Integração da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) reuniu diversas atividades acadêmicas durante os dias 24 e 25 de outubro. Uma dessas atrações foi a Tenda Cultural, apresentações artísticas de membros da comunidade acadêmica. O espaço foi montado ao lado do auditório Thomaz Nicoletti, no Campus Luiz Meneghel, de Bandeirantes.

Nas paredes da tenda foram expostas as obras do artista plástico jacarezinhense Edmilson Donizetti do Nascimento e os desenhos da acadêmica de Agronomia da UENP, Larissa Máira Pujoni.

Durante os dois dias de evento, nos momentos de intervalo, o público pode acompanhar apresentações culturais realizadas por talentos da comunidade interna da UENP. Entre artistas amadores e profissionais, as performances emocionaram e animaram quem as assistiu.

No primeiro dia, apresentaram-se as acadêmicas Rafaela Oliveira junto a Isabella Freitas, o estagiário Elieber Filho, os estudantes Nathy Salvatore, Rafael Reis e Bruno Antonucci, o grupo de teatro Conflito Cênico, a Bateria Capiau, do curso de Direito da UENP, e a Banda Oz, de Bandeirantes.

No segundo dia, o público assistiu às performances dos acadêmicos Ana Carolina Mendes e Renan Oliveira, seguidos de Matheus Cavalcante, Marcela Pradella, André Leite, Marina Aquino, Mc Kueyo e a Banda UENP, formada por Luiz Veloso, James Rios, Tiago Angelo, além de André Leite e Mc Kueyo. Até mesmo o vice-reitor da Universidade, Fabiano Gonçalves Costa, se juntou aos músicos para cantar a música “Romaria”, composta por Renato Teixeira.

“Para mim, foi um momento de grande emoção poder me juntar aos colegas e participar da apresentação. Foi uma satisfação imensa ver a comunidade da UENP integrada também em torno de atividades culturais que só engrandecem a nossa instituição”, afirma o vice-reitor.

O diretor de cultura da UENP, James Rios, destaca a Tenda Cultural como um momento de oportunidade para os artistas da comunidade. “Alunos dos três campi, amadores e profissionais, puderam mostrar um pouco do seu trabalho. Essa integração fez com que eles pudessem se tornar mais conhecidos e aproveitar bons momentos junto aos membros de nossa comunidade. É a Universidade estreitando e cultivando laços com os talentos locais”, afirma.

O músico profissional e acadêmico de Ciências Contábeis da UENP, Matheus Cavalcante, relata experiência positiva ao se apresentar na Tenda Cultural. “Eu sempre gosto muito de participar dos eventos da UENP. Tocar na tenda foi uma experiência muito boa, o público era bem receptivo. O evento ajuda na divulgação e ter uma oportunidade para mostrar meu trabalho ao vivo não tem preço”, afirma.

A advogada da Assessoria Jurídica da UENP, Marcela Pradella, apresentou-se solo e junto à Banda da Universidade. Ela destacou a experiência de tocar para a comunidade, traduzida em um repertório plural. “A comunidade acadêmica é diversa, então procuramos oferecer um repertório amplo e democrático, pensado para o momento do país. Me senti acolhida pela comunidade, pela banda e isso tem a ver com o acolhimento próprio da UENP. Deu orgulho da nossa Universidade, do trabalho e das pessoas que fizeram muito para aquilo acontecer”, conclui.

O Encontro de Integração contou ainda, dentre as ações culturais, com oficina de Teatro, ministrada pelo professor Luiz Matheus, e oficina de percussão, conduzida pelos ritmistas da Bateria Capiau. 

Última modificação: Terça, 30 Outubro 2018 16:23
Compartilhe: