Resultado do Vestibular UENP

APRESENTAÇÃO

O curso de Graduação em Ciência da Computação – Bacharelado, tem a computação como atividade-fim e prepara profissionais capacitados a contribuir para a evolução do conhecimento do ponto de vista científico e tecnológico. Esse conhecimento é utilizado na avaliação, especificação, desenvolvimento de ferramentas, métodos e sistemas computacionais.

As atividades desses profissionais englobam: (a) a investigação e desenvolvimento de conhecimento teórico e prático na área de computação; (b) a análise e modelagem de problemas do ponto de vista computacional; e (c) o projeto e implementação de sistemas de computação.

Além disso, o curso propicia uma base sólida para que o aluno possa dar continuidade em atividades de pesquisa.

 

HISTÓRICO DO CURSO

O Curso de Graduação em Ciência da Computação – Bacharelado, foi autorizado a funcionar pelo Decreto Estadual nº 6.058, com implantação da primeira turma em 2013.

 

PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO

As características dos egressos dos cursos de graduação da área de computação podem ser divididas em três componentes, englobando aspectos gerais, técnicos e ético-sociais, analisados a seguir.

 

1) Aspectos gerais

  • Os egressos de cursos que tem a computação como atividade fim, devem ser profissionais com as seguintes características:
  • Capacidade para aplicar seus conhecimentos de forma independente e inovadora, acompanhando a evolução do setor e contribuindo na busca de soluções nas diferentes áreas aplicadas;
  • Formação humanística permitindo a compreensão do mundo e da sociedade, e o desenvolvimento de habilidades de trabalho em grupo e de comunicação e expressão;
  • Formação em negócios, permitindo uma visão da dinâmica organizacional;
  • Preocupação constante com a atualização tecnológica e com o estado da arte;
  • Domínio da língua inglesa para leitura técnica na área; e
  • Conhecimento básico das legislações trabalhista e de propriedade intelectual.


2) Aspectos técnicos

Os egressos devem ser profissionais com os seguintes conhecimentos técnicos, que podem variar de acordo com as especificidades de cada curso (Bacharelado em Ciência da Computação ou Engenharia de Computação:

  • Processo de projeto para construção de soluções de problemas com base científica;
  • Modelagem e especificação de soluções computacionais para diversos tipos de problemas;
  • Validação da solução de um problema de forma efetiva;
  • Projeto e implementação de sistemas de computação; e
  • Critérios para seleção de software e hardware adequados às necessidades empresariais, industriais, administrativas de ensino e de pesquisa.

 

CAMPOS DE ATUAÇÃO

No desenvolvimento de Software Básico e Aplicativo. Software básico e aplicativo são denominações dadas aos programas de computadores de uso geral, não restrito a uma única organização. São exemplos de software básico: os editores de texto, planilhas eletrônicas, browsers, compiladores, parsers, etc. São exemplos de aplicativos: Software para Gestão de Documentos, Workflow, etc. A formação ampla e sólida em Programação e Engenharia de Software oferecida pelo curso permite ao formado atuar no design, implementação e avaliação destes produtos. As ofertas de empregos para estas competências estão nas organizações em geral, mas especialmente em empresas da chamada "indústria de software".

Em redes de computadores. A instalação de sistemas computacionais em empresas requer o projeto, implantação e gerência de uma rede de computadores. Esta atividade hoje é essencial em quase todas as empresas que utilizam Tecnologia da Informação, o que garante um amplo mercado de trabalho. A atividade permanente de gerência da rede para garantir o seu pleno funcionamento e a segurança e integridade dos seus componentes requer um profissional diferenciado de alta capacitação com uma boa remuneração no mercado de trabalho.

Na solução de problemas relacionados com a interação entre usuário e sistemas. O foco no desenvolvimento de sistemas computacionais não deve estar restrito ao sistema em si. Ele deve ser amplo, centrado nas pessoas que irão utilizá-lo e no contexto onde está inserido. O curso aborda os aspectos teóricos envolvidos na interação homem-computador e nas soluções para melhorar a usabilidade e a acessibilidade destes sistemas. Esta competência capacita o aluno formado a atuar em empresas que produzam hardware e software ou que utilizam sistemas computacionais na realização de suas atividades.

No desenvolvimento de Sistemas de Informação. Os sistemas de informação compreendem o conjunto de hardware e software que processam, armazenam e divulgam as informações de uma organização. O desenvolvimento destes sistemas requer a análise dos modelos de negócios utilizados pela organização e a elaboração de uma solução computacional técnica e economicamente viável. Esta formação permite ao futuro profissional atuar em qualquer organização que utilize Tecnologia da Informação. Nestas organizações ele pode assumir cargos e funções de Engenheiro de Software, Analista de Sistemas, Gerentes de Projetos, Gerente de Tecnologia da Informação, dentre várias outras.

Na elaboração de modelos matemáticos e algoritmos para solução de problemas. Em muitos casos, o desenvolvimento de um sistema computacional requer o entendimento de um problema, a elaboração de um modelo matemático e construção de um algoritmo que possibilite a sua implementação num computador. Neste processo está a essência da computação como ciência e é fundamental ao profissional o domínio desta competência. Esta formação capacita o egresso a trabalhar em empresas cuja atividade fim não seja a computação, mas que necessita desenvolver sistemas para as suas necessidades específicas. São exemplos os sistemas para engenharia, sistemas científicos, sistemas para a área do petróleo, sistemas para meteorologia, etc.

No ensino, na pesquisa e na pós-graduação na área de computação ou em áreas que apliquem a computação. O aluno formado no curso também está preparado para atuar no ensino, na pesquisa e ou realizar uma pós graduação nesta área para que possa aperfeiçoar e expandir os seus conhecimentos. Nesta atuação profissional, é possível trabalhar em universidades ou centros de pesquisa para contribuir com novas descobertas teóricas e tecnológicas na ciência da computação.

 

PROPOSTA PEDAGÓGICA EM VIGOR

A proposta pedagógica atual foi implantada em 2013, sendo suas principais características:

Curso: Graduação em Ciência da Computação - Bacharelado

Carga Horária: 3.410 horas

Turno: Integral.

Regime: Seriado Anual

Vagas: 40

Período de integralização: Mínimo de 04 (quatro) e Máximo de 07 (sete) anos.

Modalidade: Presencial

 

CONTATOS:

Coordenador: José Reinaldo Merlin – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Vice Coordenador: Rodrigo Tomaz Pagno – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Coordenador de Estágio: Glauco Carlos Silva – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Representantes docentes:

Bruno Miguel Nogueira Souza

Daniela de Freitas Guilhermino Trindade

Luiz Fernando Legore do Nascimento

Fone: (43) 3542-8014