Ações locais, mudanças globais. Com esse slogan e com missão de promover a sustentabilidade através de uma mudança de cultura organizacional, a Assessoria de Gestão das Políticas de Sustentabilidade (AGPS) da Universidade Estadual do Norte do Paraná realizou a entrega dos Copos Eco Sustentáveis para professores, agentes universitários, residentes técnicos e estagiários da Reitoria e dos três campus da Instituição.

A Liga Acadêmica de Anestesiologia e Farmacologia (LAAF) do curso de Odontologia da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) venceu, no dia 29 de outubro, a Competição de Ligas Acadêmicas 2021, organizada pela Osteology Foundation, uma organização mundial que produz biomateriais para regeneração óssea.

O projeto “Ações para recuperação físico-funcional de pacientes no pós-covid: da alta a reintegração social” da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) está com inscrições abertas para pessoas que foram acometidas pela Covid-19. O programa irá atender a pacientes que apresentam sintomas classificados de moderado a grave e que se encontram no período pós-alta hospitalar e sem a detecção do vírus.

Mostra de Arte e Cultura Afro movimenta Norte do Paraná Destaque

Quarta, 27 Outubro 2021 17:30

Arte, rua e trabalho. A interseccionalidade de cada uma dessas dimensões com as questões raciais será o tema da sétima edição da Mostra de Arte e Cultura Afro-brasileira. O evento, que promete movimentar o Norte do Paraná e cidades do sul do Estado de São Paulo, será realizado de 11 a 30 de novembro. A Mostra é organizada pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), em parceria com 11 prefeituras da região e com outras três universidades.

As ações serão, prioritariamente, veiculadas pelas redes sociais das instituições parceiras, com a previsão de realização de atos presenciais em alguns municípios, sendo respeitadas as normas de segurança sanitária em vigor. Patrocinado pelas empresas General Mills e Açaí da Barra de Jacarezinho, o evento é gratuito e certificará os participantes, com carga horária de 30 horas. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas por meio do endereço https://forms.gle/JXLG9bpHxasJM1t89.

Segundo o coordenador da Mostra, professor James Rios, o objetivo do evento, nesta edição, é levar, à comunidade regional, uma reflexão mais contundente sobre as questões raciais e seu entrelaçamento com a arte, a rua e o trabalho.

“Há uma necessidade de se discutir, com celeridade, a situação do negro, sobretudo, no Norte do Paraná. E essa discussão perpassa, dentre outros tantos fatores, pela dimensão do trabalho. Quais espaços que a população negra ocupa no âmbito das instituições em nossa região? É o espaço da informalidade, da rua? Temos, no Norte do Paraná políticas públicas de cultura que garantem, aos artistas negros, o acesso aos editais fomento? Esses editais contemplam, efetivamente, suas propostas estéticas? Todas essas perguntas nortearão o nosso evento”, pontua.

Programação

Com programação provisória, a Mostra terá início no dia 11 de novembro, quinta-feira, às 19h30, com a mesa-redonda intitulada “Intersecções entre raça e trabalho: afro-empreendedorismo e ações afirmativas''. Mediada pela professora-doutora Rosiney Vale (UENP), a mesa será composta pela professora-mestra Suelen Matos (UFPR); pelo professor-doutor Alexsandro Eleotério (UNESPAR); e pela a gestora de Recursos Humanos da Generall Mills (Cambará-PR), Mariane Dias.

No dia 12, a Mostra exibirá a terceira edição do Sarau da Negritude, com as apresentações culturais selecionadas pelo Edital de fomento lançado pela UENP no dia 14 de outubro. Domingo, dia 14, será realizado o lançamento da série de curta-documentários intitulada “A cor do trabalho: Norte do Paraná”, que terá os episódios lançados em dias intercalados, às 17h.

Já no dia 17, às 19h30, mais uma mesa-redonda levará o debate a toda a comunidade. Às 19h30, também pelas redes sociais, a escritora Sandra Maria Job (UFPA); o artista plástico Clóvis Affonso Costa (CACosta) e o ator e diretor de teatro, Heriveuto (Ribeirão Claro), discutirão as questões relacionadas à produção artística negra e as suas respectivas relações com o mercado de trabalho.

No dia de 20 de novembro, a partir das 10 horas, as instituições parceiras realizarão a publicação de conteúdos correspondentes à Alvorada dos Ojás - ação prevista para ser realizada no dia 19, às 19h30, na Praça São Benedito, em Jacarezinho.

A partir do dia 22 de novembro, às 12h e às 17h, a Mostra lançará a exposição virtual de artes visuais, que será realizada até o encerramento do evento, com duas publicações diárias nas redes sociais da UENP e de todos os parceiros da Mostra.

No dia 28 de novembro, acontecerá na cidade de Cornélio Procópio, a inauguração do painel de grafite em homenagem a “Ialorixá Neia de Oyá; bem como a realização de uma oficina de capoeira Angola com o grupo "Os Angoleiros do Interior" e roda de capoeira com os grupos locais.

Em todas as transmissões do evento a serem realizadas pelo Facebook e YouTube, a empresa multinacional General Mills, que possui unidade em Cambará, disponibilizará um QR Code para o recebimento de currículos de pessoas negras da região, que poderão, a qualquer tempo, ser convidadas a fazerem entrevista na empresa.

As ações semi-presenciais, previstas para acontecerem nos municípios de Cornélio Procópio e Jacarezinho nos dias 19, 20 e 27 estão sendo monitoradas pela comissão organizadora, que observa a (não) evolução dos casos de Covid-19. A depender do quadro epidemiológico, a programação desses dias será confirmada durante a programação.

Realização, Apoio e Patrocínio

A VII Mostra de Arte e Cultura Afro-brasileira é uma realização da UENP, do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Campus Jacarezinho; da Universidade Tecnológica do Paraná (UTFPR), Campus de Cornélio Procópio; do Centro Universitário Unifio; e das prefeituras municipais de Andirá, Bandeirantes, Cornélio Procópio, Jacarezinho, Joaquim Távora, Nova Fátima, Santa Amélia, Santo Antônio da Platina, Santa Mariana, Ribeirão Claro e Ourinhos.

Além dos patrocínios das empresas General Mills e Açaí da Barra, o evento conta com o apoio dos NEABI’s da UENP e do IFPR, do DCE, da Defensoria Pública do Estado do Paraná, da ANEPRO, do Coletivo Ubuntu, da UTFPR, da CNX Produções, da Escola de Samba Acadêmicos Capiau e do Grupo de Capoeira Angoleiros.

"Estamos atuando através do nosso propósito de ser uma força para o bem, e o tema da equidade racial é um pilar global para a General Mills. Para que haja mudança, é preciso movimento, e, com o propósito de influenciar a formação e nos conectar os talentos negros, essa parceria com a UENP fortalece o compromisso que firmamos através do Programa Mover. Desta forma, temos a certeza de que a mudança do futuro começa agora e, para chegar lá, essa parceria irá contribuir para nossos próximos passos rumo a essa transformação. Estamos em movimento, estamos construindo a mudança", disse Mariane Dias, Gestora de Recursos Humanos da General Mills, unidade de Cambará.

VII Mostra de Arte e Cultura Afro-brasileira

Inscrições: até 11 de novembro às 17 horas.
Link para inscrição: https://forms.gle/JXLG9bpHxasJM1t89
Canais de transmissão: Facebook e YouTube da UENP e dos parceiros institucionais.

A Editora da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) e a Companhia de Saneamento do Paraná (SANEPAR) lançaram, nesta quarta-feira (27/10), em Curitiba, o livro “Saneamento Ambiental: educação, gestão, eficiência e sustentabilidade”, volumes 1 e 2. A obra, que reúne 30 artigos científicos, é resultado da parceria entre a UENP, a Universidade Virtual do Paraná (UVPR) e a SANEPAR, firmada para a realização do curso de pós-graduação lato sensu em Saneamento Ambiental.

UENP-CJ - ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES