Ana Canosa do SBT realiza palestra na UENP

Quinta, 06 Novembro 2014 17:10 por Assessoria de Comunicação Social
“A gente se habitua a amar o outro a partir da eleição da nossa prioridade. É um ato da nossa vontade”, pontua Ana Canosa durante palestra no IV JORESP e II CISEX “A gente se habitua a amar o outro a partir da eleição da nossa prioridade. É um ato da nossa vontade”, pontua Ana Canosa durante palestra no IV JORESP e II CISEX Fotos: Tiago Angelo / Heitor

A apresentadora Ana Cristina Canosa, do quadro "Família pede socorro" do programa "Eliana" da emissora SBT, realizou, na última quinta-feira, 30, palestra na Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) durante a realização da IV Jornada Regional de Educação Sexual do Paraná (JORESP) e do II Colóquio Internacional de Sexualidades (CISEX).

Psicóloga e sexóloga há mais de 20 anos, Ana Canosa abordou, durante a palestra "A Metade da Laranja", temas como a idealização dos relacionamentos, o luto da paixão, o sentimento de amor, os problemas e desafios da convivência cotidiana, as diferenças entre homens e mulheres, as novas possibilidades de vivência amorosa, dentre outros assuntos referentes à relação afetiva.

Dentre os assuntos abordados durante sua apresentação, Ana frisou sobre as diferentes formas de amar. "A gente se habitua a amar o outro a partir da eleição da nossa prioridade. É um ato da nossa vontade. As pessoas amam de maneiras diferentes. Se a gente não aproxima o entendimento do nosso amor para com o outro, a relação pode não ir bem", frisou.

Ana Canosa assina como autora a obra "A Metade da Laranja: Discutindo Amor, Sexo e Relacionamento", que reúne 30 crônicas sobre amor e sexo, trazendo dicas para administrar melhor os conflitos mais frequentes nas relações contemporâneas.

Ainda pela manhã, o professor-mestre Ricardo Desidério (UNESP) discutiu o tema: "Gênero e sexualidade nos discursos midiáticos", no auditório do CCHE. Já no período da tarde, a mesa redonda intitulada "Olhares plurais para as questões da sexualidade" abriu a segunda etapa das atividades do evento. A professora-doutora Annecy Tojeiro, do curso de Enfermagem, do Campus Luiz Meneghel, mediou às discussões da mesa, que foi composta pelos professores-doutores José Roberto da Silva Brêtas (UNIFESP), Mary Neide Damico Figueiró (UEL) e pelos professores-mestres Luiz Fabiano Zanatta (UENP) e Mateus Luiz Biancon (UENP).

Ainda na quinta-feira, os participantes do evento puderam acompanhar o minicurso "Arte e feminismo lesbiano na América Latina", ministrado pelas professoras-doutoras Patrícia Lessa (UEM) e Patrícia Karina Vergara Sánchez (UAM), do México.

À noite, foram realizadas duas mesas-redondas no evento. "Olhares plurais para as questões de gêneros", constituída pela professora-doutora Eliane Rose Maio (UEM) e pelas professoras-mestres Eliane Tortola (UEM) e Crishna Mirella de Andrade Correa (UEM), com a mediação da professora-doutora Adenize Franco (UENP), e "Jovens protagonistas na prevenção DST/AIDS", com o médico Jan Walter Stegmann e com o representante da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, Rosa Vita de Almeida, mediada pelo professor-mestre Luiz Fabiano Zanatta (UENP).

O evento, que aconteceu no Conjunto Amadores de Teatro (CAT), contou ainda com duas atrações culturais com o circo "Trupe Volare", de Londrina, e os dançarinos da Cia "Tango/Zouk fusion" de Maringá.

Última modificação: Quinta, 06 Novembro 2014 17:39
Compartilhe:

UENP-CJ - ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

  • RESOLVE CONVOCAR :o candidato Antonio José Fernandes Vieira, classificado em 4º lugar no processo seletivo para ingresso em 2022, no doutorado deste Programa, efetuar a matrícula até o dia 30 de dezembro de 2021, enviando todos os documentos referentes ao item 21 do Edital nº 41/2021-PPGD, no endereço eletrônico , devendo observa ainda todas as normas contidas no Edital nº 100/2021-PPGD.

  • TORNAR PÚBLICO, o resultado do processo seletivo para concessão de bolsas de Mestrado e Doutorado custeadas pela CAPES e pela Fundação Araucária, realizado nesta data, de acordo com as normas do edital 104/2021-PPGD, conforme segue.

  • DAR CONHECIMENTO da realização da banca de defesa pública de tese de doutorado em Ciência Jurídica, realizada em cotutela entre a Universidade Estadual do Norte do Paraná e a Universidad de Murcia, conforme segue: Dia 17 de janeiro de 2022.

  • RESOLVE: I. Ampliar o número de vagas a serem ofertadas pelo Programa de Pós-graduação em Ciência Jurídica da UENP, para 12 (doze) vagas no Doutorado, ficando portanto, com 04(quatro) vagas para cada uma das linhas de pesquisa, a partir do ingresso em 2022.

  • TORNAR PÚBLICO que no período de 24 até 31 de janeiro de 2022, estará recebendo inscrições de alunos matriculados em Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito de outras instituições, interessados em cursar disciplinas isoladas neste Programa.