Aluna de Direito inaugura dupla graduação da UENP com Universidade da Espanha

Quinta, 29 Agosto 2019 17:47 por Assessoria de Comunicação Social
Lara Helena Pinheiro Lopes será a primeira estudante da UENP a ingressar no programa de dupla graduação com universidade espanhola Lara Helena Pinheiro Lopes será a primeira estudante da UENP a ingressar no programa de dupla graduação com universidade espanhola

A estudante do 5º ano de Direito da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Lara Helena Pinheiro Lopes, de 22 anos, será a primeira acadêmica da UENP a ingressar no programa de dupla graduação que a Instituição tem em convênio com a Universidad de Murcia (UM), da Espanha. O acordo entre as Universidades paranaense e espanhola foi firmado em março de 2018.

 Ao concluir seu curso, a acadêmica terá dupla graduação em Direito, tanto pela UENP, como pela UM. Com isso, a universitária poderá atuar como bacharel tanto em território brasileiro, como nos países que fazem parte da União Europeia (UE). Lara parte para a Espanha em 1º de setembro e retorna para o Brasil em julho de 2020. Universitários espanhóis também poderão estudar na UENP e obter a mesma dupla titulação. 

Lara compartilha algumas de suas expectativas em relação à experiência que viverá na Espanha.  “A dupla titulação fornece muitas vantagens. Além de conhecer outro país, me aperfeiçoar no idioma e enriquecer meu currículo, vou ter dois diplomas: um válido em toda a União Europeia e um válido no território brasileiro. Isso abre muitas portas para a minha carreira”, afirma. “Acredito que será ótimo continuar a graduação em Direito na Espanha e em uma universidade com tanta tradição. A UM têm bastante experiência com estudantes estrangeiros, então estou tranquila, porque sei que serei bem recebida”, projeta Lara.

Natural de Santa Cruz do Rio Pardo-SP, Lara relata que desde o começo da graduação - e até mesmo antes disso - sempre teve como objetivo ingressar em algum projeto de internacionalização. “Eu queria alguma oportunidade que realmente pudesse agregar para o meu currículo, e não apenas a experiência no exterior. Quando eu li no site da UENP a notícia do convênio com a UM, eu pensei ‘é isso que eu quero’. Toda a equipe da Universidade fez de tudo para que meu processo desse certo, me auxiliaram muito”, relembra a estudante. 

Para o coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciência Jurídica da UENP, professor-doutor Fernando Brito, a participação de uma estudante no programa de dupla graduação com a UM é um marco para o processo de internacionalização da Universidade. “Nós tivemos algumas experiências de mobilidade em vários cursos já, mas é a primeira vez que uma Universidade estrangeira atribui equivalência integral a um currículo de graduação da UENP”, menciona.

“Isso significa que ao final do programa de dupla graduação, a aluna receberá dois diplomas de graduação, um emitido pela UENP e outro emitido pela UM, conferindo no Brasil e em mais 48 países que integram o Espaço Europeu de Ensino Superior com todos os direitos e prerrogativas da graduação em Direito. Particularmente para o curso de Direito, essa primeira experiência completa o ciclo de internacionalização do curso, que já teve experiências dessa natureza na pós-graduação”, finaliza Brito.

Última modificação: Quinta, 29 Agosto 2019 18:37
Compartilhe:

UENP-CJ - ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

  • DA CONHECIMENTO da realização da banca de qualificação pública de Dissertação de Mestrado em Ciência Jurídica - Mestrando: André Luis Camargo Mello

  • ALTERA HORÁRIO E COMPOSIÇÃO DA BANCA E DA CONHECIMENTO da realização da banca de qualificação pública de Dissertação de Mestrado em Ciência Jurídica - Mestranda: Simone Valadão Costa e Tressa

  • TORNA PÚBLICA a abertura de processo seletivo simplificado para a seleção de candidatos ESTRANGEIROS, ao ingresso no MESTRADO e no DOUTORADO, na área de concentração “Teorias da Justiça: Justiça e Exclusão”,nas linhas de pesquisa “Estado e Responsabilidade: questões críticas” e “Função Política do Direito”

  • TORNA PÚBLICO o resultado do processo seletivo para concessão de bolsas de Doutorado custeada pela CAPES e pela Fundação Araucária

  • ALTERA  O CALENDÁRIO LETIVO DO SEGUNDO SEMESTRE DE 2019